Cálculo Renal – O Que É? Causas? Tipos? Sintomas? Tratamento

Neste artigo vai descobrir o que é o cálculo renal, quais são as causas da dor, os fatores de risco, quais os tipos de dor de rim existentes, que sintomas apresenta, a que tratamento recorrer e a importância da água perante a dor de rins.

calculo renal sintomas

Cálculo renal o que é?

O calculo renal é o nome que denomina as pequenas pedras que bloqueiam o sistema urinário. Estas pedrinhas são compostas por uma massa sólida cuja consistência são pequenos cristais. Estes cristais podem ser observador em qualquer composto do aparelho urinário. Este problema também é chamado de pedras nos rins.

Causas

As pedras originam-se nos rins quando na urina existe em excesso ácido úrico, cálcio ou oxalato. Também uma das causas muito importantes que pode levar a presença de pedras nos rins é o citrato, todos estes elementos podem levar a existência de cálculo renal. Veja os fatores de risco perante cálculo renal:

Fatores de risco

Determinados fatores são conceituadas de risco, dado que favorecem no aparecimento das pedras nos rins, confira:

  • Hiperparatireoidismo
  • Obesidade;
  • Inflamações gastrointestinais;
  • Genética;
  • Cirurgias;
  • Falta da ingestão de água;
  • Dietas ricas em proteína em exagero;
  • Acidose;
  • Pessoas de terceira idade tem mais probabilidade de ganhar pedras nos rins;
  • Problemas renais tubulares;
  • Cistinúria.

Tipos

Este problema reparte-se em quatro tipos, cada um possui uma formação e características diferentes. Veja os tipos de cálculo renal presentes no nosso aparelho urinário:

  • Pedras de cistina ou Cálculos de cistina – Este tipo de pedras geralmente é um tipo hereditário que predomina em ambos os sexos.
  • Pedras de ácido úrico ou Cálculo de ácido úrico – Estas pedras originam-se em pessoas que possuem o ácido úrico elevado,representam em média seis porcento de todas as pedras nos rins. Este tipo de pedras nos rins pode originar-se quando a pessoa encontra-se perante quimioterapia.
  • Pedras de cálcio ou Cálculo de cálcio – Esta espécie é a mais popular. Verificam-se mais em sexo masculino do que no feminino, geralmente vigora no organismo entre os 22 e os 30 anos. Estas pedras geralmente aparecem no organismo depois de tratamentos no intestino. Existem outros fatores que podem levar a obter pedras nos rins, é o caso de alterações no metabolismo e do excesso de cálcio no organsino.
  • Pedras de estruvita  ou Cálculos de estruvita – Ocorrem especialmente em sexo feminino graças as infeções do conjunto urinário. Este tipo de pedras podem aumentar significativamente de tamanho levando ao bloqueio da bexiga, da uretra e do rim.

Sintomas de pedras nos rins

calculo renal o que e

Os sintomas mais relevantes que podem ser observados e sentidos são dores insuportáveis e extrema dificuldade de urinar. Contudo, existem outros sintomas pertinentes, tais como:

  • Ardor e dificuldade ao urinar;
  • Vômitos e mal estar;
  • Vontade de urinar sem expulsar grande quantidade;
  • Dores insuportáveis.

Medicamentos para pedras nos rins

A farmacologia mais receite e mais usual pelos doentes é:

  • Escopolamina
  • Cystex
  • Ceftriaxona Dissódica e sódica
  • Lisador
  • Apolupidor
  • Higroton
  • Clortalidona

Não se recomenda realizar auto medicação, dado que pode piorar o seu estado atual. Só o medico pode receitar a medicação conveniente para o seu problema, assim como a dose certa a ingerir e o tempo necessário que deve tomar o medicamento pré-escrito.

Prevenção do cálculo renal

Com objetivo de prevenir as pedras nos rins, é fundamental possuir uma alimentação muito saudável. Vaja alguns exemplos do que fazer para prevenir este  problema:

  • Diminuir a quantidade de proteína e sal nas suas refeições diárias;
  • Ingerir bastante água diariamente, no minimo dois litros e meio;
  • Usufruir uma alimentação rica em cálcio, deve sempre manter os níveis de cálcio certos;
  • Reduzir a ingestão de oxalato, é o caso de nozes, beterraba, espinafre, pimenta, e mesmo o chocolate.

Tratamento do cálculo renal

Antes de recorrer a realização do tratamento deve realizar exames que identifiquem onde esta a pedra e qual o tamanho dela. Após estes procedimentos pode realizar o tratamento adequado.

Em determinadas ocasiões as pedras são relativamente pequenas e não há necessidade de recorrer a métodos mais violentos. Nestas ocasiões o medico irá receitar medicamentos capazes de ajudar no processo de reabilitação, tais como:

  • Analgésicos para diminuir a dor originada através do cálculo renal e ingerir bastante água diariamente, no minimo 2,5 litros.

Contudo, na altura em que o cálculo renal atinge tamanho grandes e gera sintomas mais dolorosos, o tratamento a realizar deve ser individualizado. Isto porque, pedras que possuem um tamanho maior não podem ser expulsas do organismo sozinhas porque irão gerar infeção urinária, sangramento e dores horríveis. Nestas ocasiões, o tratamento individualizado a realizar deve ser:

  • Uretroscopia
  • Litotripsia extracorpórea
  • Cirurgia de glândulas paratiroides
  • Traqueostomia percutâneo

Veja o vídeo acerca da importância da água perante as pedras nos rins:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Leave A Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.