Tabelinha como funciona

Entre os diversos métodos contraceptivos, a tabelinha é um dos mais antigos e é uma forma natural da mulher evitar a gravidez. Tabelinha como funciona? Mas será que é confiável? Com tantas formas de evitar a gravidez nos dias de hoje, será que ainda vale a pena fazer a tabelinha? Bem, a primeira coisa que a mulher precisa ter em mente é que a respeito da regularidade do seu ciclo.

De fato, a tabelinha funciona, mas apenas para quem tem um ciclo menstrual regular. Cada mulher deve escolher como deseja evitar a gravidez, sendo que a escolha é algo muito particular. Quer saber mais sobre como funciona a tabelinha? Então confira este artigo até o final!

Tabelinha como funciona?

tabelinha como funciona

A tabelinha funciona com a ajuda do calendário, onde a mulheres deverá anotar todo mês o seu ciclo, início e fim. Sempre que vier a menstruação, a mulher deve anotar o dia no calendário para ter o controle. O final do ciclo termina sempre um dia antes da próxima menstruação. Através das informações, a mulheres poderá notar o período de duração do ciclo e fazer uma conta que irá mostrar o período fértil.

Para fazer essa conta, é preciso tirar 11 dias do período mais longo da menstruação e 18 dias do período mais curto. Exemplo do cálculo para identificar o dia fértil:
Ciclo mais curto: 27 dias – 18 = 9
Ciclo mais longo: 30 dias -11 = 19
Tabelinha como funciona? Nesta conta, o período fértil da mulher é entre o 9º e o 19º dia do ciclo menstrual.

Veja, há na internet calculadoras digitais onde é possível conhecer o seu período fértil. Porém, é preciso saber direitinho as informações sobre sua última menstruarão. E não se esqueça que é preciso ter um ciclo regular!

O que é a tabelinha?

A tabelinha como funciona? Trata-se de um método contraceptivo realizado através de cálculos que tem o intuito de determinar os dias férteis da mulher e, assim, evitar a gravidez nessas datas. Existem mulheres que usam a tabelinha ao contrário, exatamente para identificar os dias férteis e tentar a gravidez com o parceiro. O mais importante na utilização deste método é ter um ciclo menstrual regular, para que os cálculos sejam feitos com mais exatidão.

Apesar de haver muitas opiniões contrárias ao uso da tabelinha como método contraceptivo por não ter tanta segurança, algumas mulheres relatam preferir a tabelinha ao invés de tomar pílula anticoncepcional, por exemplo.

Mulheres com ciclos irregulares

É importante ressaltar que a tabelinha só deve ser feita por mulheres com ciclos regulares. Mulheres que em um mês menstruam no dia 5, no outro mês no dia 10, no outro no dia 30, e assim sucessivamente, devem evitar usar a tabelinha como método contraceptivo.

Essa “bagunça” não irá resultado em um cálculo correto para se identificar o período fértil e, desta forma, a mulheres poderá engravidar mesmo não querendo. O ciclo deve ser certo, no período de 24 a 28 dias certinho, mas não pode vir desregulado e sim respeitar uma sequência.

O que é o ciclo menstrual?

tabelinha como funciona

O ciclo tem, geralmente, 28 dias e se divide em três fases. A primeira fase é a folicular, quando ocorre o primeiro dia da menstruação, que pode ter duração de 5 a 12 dias. Isso é algo muito particular de cada mulheres. Mas mulheres com períodos menstruais com mais de 12 dias devem procurar um médico para averiguar se tudo está bem com a sua saúde hormonal.

Na fase folicular, ocorre a produção do hormônio FSH, e os óvulos amadurecem e se prepara para uma possível gravidez. Em seguida, vem a fase ovulatória, onde o corpo começa a produzir LG, que seleciona os óvulos mais maduros, ocorrendo assim a ovulação.

O óvulo percorre as trompas até chegar ao útero da mulheres, vivendo em torno de 24 horas fora do ovário. Neste momento, caso entre em contato com espermatozoides, a mulher pode engravidar. Mas é preciso atenção. Os espermatozoides podem permanecer no corpo feminino por até 5 dias. Neste caso, se a mulher tiver relações sem camisinha antes da ovulação, também pode engravidar, uma vez que tem o risco dos espermatozoides estarem circulando na região.

A terceira fase é conhecida como lútea, que ocorre nos 12 últimos dias do ciclo. É quando o folículo permanece dentro do ovário e começa a produzir progesterona e estrogênio, deixando as mulheres mais sensíveis. Se não ocorre a fecundação, o folículo encolhe, os hormônios vão diminuindo até ocorrer novamente a menstruação, depois que o revestimento do útero é eliminado.

Como identificar período fértil – alguns sintomas

  • Sinais de corrimento transparente na calcinha
  • Maior sensibilidade
  • Região do útero mais sensível
  • Aumento do desejo sexual

Para ter mais segurança a respeito do método ideal para você, converse com sua médica (o) a respeito de como a tabelinha funciona, e conheça também com ela os demais métodos que podem funcionar melhor para o seu perfil.

Veja o vídeo acerca da tabelinha como funciona:

Agora que já sabe tudo acerca da tabelinha como funciona, em caso de suspeita de gravidez não deixe de consultar o seu medico.

Veja também:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Leave A Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.